Logo_Sicredi_Branco Created with Sketch.

Conheça a nossa história

E como nasceu a primeira cooperativa de crédito do Brasil

icone/seta-baixo copy 3 Created with Sketch. iniciar linha do tempo

1902

Constituição da primeira cooperativa de crédito da América Latina, em Nova Petrópolis/RS, atual Sicredi Pioneira RS

As raízes do Sicredi estão na primeira cooperativa de crédito do Brasil, fundada em 28 de dezembro de 1902, em Nova Petrópolis, no Rio Grande do Sul.

As raízes do Sicredi estão na primeira cooperativa de crédito do Brasil, fundada em 28 de dezembro de 1902, em Nova Petrópolis/RS. Batizada pelos imigrantes alemães como Sparkasse Amstad, a Caixa Rural da Linha Imperial marcou a chegada de uma nova forma de organização econômica ao país, que iniciaria sua expansão pelo Sul do Brasil, até atingir, décadas mais tarde, outras regiões, consolidando-se como um sistema de crédito cooperativo de abrangência nacional. A cooperativa foi inspirada no modelo de cooperativismo idealizado por Raiffeisen e a partir da motivação do Padre Theodor Amstad e lideranças da comunidade.

1960

Mais de 500 cooperativas de crédito em funcionamento no Brasil

O movimento de expansão do cooperativismo de crédito foi expressivo entre 1900 e 1960 nas regiões Sul, Sudeste, Nordeste e Norte do país.

1964

Reformulação do Sistema Financeiro Nacional - Lei n° 4.595/64

A Lei nº 4.595/64 impôs restrições normativas ao funcionamento das cooperativas de crédito.

A Reformulação do Sistema Financeiro Nacional (Lei nº 4.595/64) impôs restrições normativas ao funcionamento das cooperativas. Entre as restrições, estava a impossibilidade de participar da compensação de cheques, formar centrais ou ter filiais. Para agravar a situação, a taxa de juros com que as cooperativas podiam remunerar os depósitos a prazo era inferior em relação à outras instituições financeiras. Os efeitos da Lei da Reforma Bancária, como ficou conhecida a Lei 4.595, foram severos para as Caixas Rurais. Iniciava o que as cooperativas designaram de época do “não pode”.

1971

Sancionada a Lei 5.764/71 que definiu o regime jurídico das sociedades cooperativas

A Lei das Cooperativas definiu a Política Nacional de Cooperativismo e o regime jurídico das sociedades cooperativas.

A Lei das Cooperativas definiu a Política Nacional de Cooperativismo e o regime jurídico das sociedades cooperativas. O Ato Cooperativo, regulamentado por esta Lei, abrange todas as operações realizadas entre associados e suas cooperativas.

1980

Constituição da Cocecrer/RS, atual Central Sicredi Sul/Sudeste

Em 27 de outubro de 1980, foi constituída a Cooperativa Central de Crédito do Rio Grande do Sul – Cocecrer/RS - fruto da união de nove cooperativas de crédito.

Em 27 de outubro de 1980, foi constituída a Cooperativa Central de Crédito do Rio Grande do Sul – Cocecrer/RS - fruto da união de nove cooperativas de crédito remanescentes do sistema Raiffeisen no Rio Grande do Sul, sendo elas sediadas em Agudo, Cerro Largo, Crissiumal, Guarani das Missões, Horizontina, Nova Petrópolis, Panambi, Rolante e Taquara.

1985

Constituição da Cocecrer/PR, atual Central Sicredi PR/SP/RJ

Em 29 de janeiro de 1985, três centrais de cooperativas de produção e dez cooperativas singulares de crédito se uniram e constituíram a Cooperativa Central de Crédito Rural do Paraná - Cocecrer/PR, atual Central Sicredi PR/SP/RJ.

A partir do momento em que o cooperativismo de crédito ganhou espaço no Paraná, surgiu a necessidade de criar uma Central no Estado. Em 29 de janeiro de 1985, três centrais de cooperativas de produção e dez cooperativas singulares de crédito se uniram e constituíram a Cooperativa Central de Crédito Rural do Paraná - Cocecrer-PR, atual Central Sicredi PR/SP. Os atos constitutivos da Cocecrer-PR foram aprovados pelo Banco Central dois anos após a constituição da Central, em 1987.

1988

Nova Constituição Federal estabelece condições regulatórias favoráveis às cooperativas de crédito

A promulgação da Constituição de 1988 representou, para o cooperativismo de crédito, a possibilidade de atingir a autonomia operacional almejada desde as origens do movimento no Brasil.

A promulgação da Constituição de 1988 representou, para o cooperativismo de crédito, a possibilidade de atingir a autonomia operacional almejada desde as origens do movimento no Brasil. O país recebia um novo ordenamento jurídico, e as cooperativas de crédito figuravam nas páginas da nova Carta Magna, em pé de igualdade com os demais agentes do sistema financeiro. A Constituição trouxe vários avanços e garantias ao cooperativismo e reafirmou as cooperativas de crédito como integrantes do Sistema Financeiro Nacional, reguladas e supervisionadas pelo Conselho Monetário Nacional e Banco Central do Brasil.

1989

Constituição da Cocecrer/MT, atual Central Sicredi Centro Norte

Em 05 de setembro 1989, quando o estado contava com seis cooperativas de crédito, foi fundada a Cooperativa Central de Crédito Rural do Mato Grosso - Cocecrer/MT, atual Central Sicredi Centro Norte.

Em 1989, a partir da criação de várias cooperativas em Mato Grosso - Sicredi Vale do Cerrado, Sicredi Sudoeste MT/PA, Sicredi Araxingu e Sicredi Noroeste MT e Acre -, foi constituída a Cooperativa Central de Crédito Rural de Mato Grosso (Cocecrer/MT), hoje chamada de Central Sicredi Centro Norte. Ela tem o objetivo de difundir o cooperativismo de crédito, coordenar e supervisionar a atuação das cooperativas filiadas, apoiando-as em suas atividades.

1989

Constituição da Cocecrer/MS, atual Central Sicredi Brasil Central

A expansão do cooperativismo de crédito no Mato Grosso do Sul foi impulsionada pelas cooperativas agropecuárias, com a intenção de fortalecer o financiamento do agronegócio.

A expansão do cooperativismo de crédito no Mato Grosso do Sul foi impulsionada pelas cooperativas agropecuárias, com a intenção de fortalecer o financiamento do agronegócio. No ano de 1988, em apenas dois meses, foram criadas nove cooperativas de crédito no Estado. A Cooperativa Central de Crédito Rural do Mato Grosso do Sul (Cocecrer-MS), atual Central Sicredi Brasil Central, foi fundada pouco depois do surgimento do cooperativismo no estado, em 1989.

1992

Integração sistêmica e adoção da marca Sicredi por todas as cooperativas da Cocecrer/RS

A partir da assembleia geral extraordinária de 10 de julho de 1992, a marca Sicredi passou a ser adotada como um padrão para todas as cooperativas do Sistema.

A partir da Assembleia Geral Extraordinária de 10 de julho de 1992, realizada em Gramado, no Rio Grande do Sul, a marca Sicredi passou a ser adotada como um padrão para todas as cooperativas do Sistema. Nesta assembleia, também ocorreu a substituição do nome Sistema Integrado de Crédito Rural do Rio Grande do Sul – Sicredi/RS - para Sistema de Crédito Cooperativo - Sicredi. A Cocecrer/RS recebeu a denominação Central Sicredi RS, atual Central Sicredi Sul/Sudeste.

1995

Constituição do Bansicredi, primeiro banco cooperativo privado do Brasil

Criado em 1995 com o nome Bansicredi, foi o primeiro banco cooperativo privado brasileiro, responsável por instituir autonomia financeira às cooperativas e permitir acesso mais eficiente ao mercado financeiro e a programas especiais de financiamento.

Em 1995, a resolução do Conselho Monetário Nacional autorizou as cooperativas de crédito a constituírem bancos comerciais. Então neste ano, foi constituído o Banco Cooperativo Sicredi - Bansicredi - que tinha a incumbência de centralizar o caixa das cooperativas de crédito e acessar a compensação bancária, que até então era feita pelo Banco do Brasil. As estruturas criadas inicialmente estavam relacionadas a essas atividades, oferecendo uma gestão profissional para os depósitos dos associados. Em seguida, ainda na primeira fase de estruturação, o Banco Cooperativo passou a responder pelas políticas e produtos de crédito do Sicredi.

1996

Integração da Cocecrer/PR ao Sistema, atual Central Sicredi PR/SP/RJ

A integração das cooperativas paranaenses significou adesão ao Banco Cooperativo Sicredi e garantiu o protagonismo da Central no desenvolvimento do cooperativismo no estado.

1996

Integração da Cocecrer/MT ao Sistema, atual Central Sicredi Centro Norte

A integração das cooperativas mato-grossenses significou adesão ao Banco Cooperativo Sicredi e garantiu o protagonismo da Central no desenvolvimento do cooperativismo no estado.

1997

Integração da Cocecrer/MS ao Sistema, atual Central Sicredi Brasil Central

A integração das cooperativas sul-mato-grossenses significou adesão ao Banco Cooperativo Sicredi e garantiu o protagonismo da Central no desenvolvimento do cooperativismo no estado.

1998

Filiação do Sicredi ao Conselho Mundial das Cooperativas de Crédito – WOCCU

Em 1998, a instituição ultrapassava as fronteiras do país, com a filiação do Sicredi ao Conselho Mundial das Cooperativas de Crédito - WOCCU.

Em 1998, a instituição ultrapassava as fronteiras do país, com a filiação do Sicredi ao Conselho Mundial das Cooperativas de Crédito - WOCCU (World Council of Credit Unions). O Sistema ganhava visibilidade internacional. A associação ao WOCCU permitiu que o Sicredi estabelecesse intercâmbio com outros sistemas, compartilhando as principais experiências administrativas desenvolvidas no mundo e fornecendo subsídios para o aperfeiçoamento das políticas internas.

1999

Bansicredi é autorizado a realizar operações de crédito rural com encargos equalizados pelo Tesouro Nacional

Em 1999, o Banco Cooperativo Sicredi foi autorizado a realizar operações de crédito rural com encargos equalizados pelo Tesouro Nacional, fato inédito até então no Sistema Financeiro Nacional.

Em 1999, o Bansicredi foi autorizado a realizar operações de crédito rural com encargos equalizados pelo Tesouro Nacional, fato inédito até então no sistema financeiro nacional. Além disso, as resoluções 2.771 e 2.788 publicadas pelo Conselho Monetário Nacional, respectivamente em 30 de agosto e 30 de novembro de 2000, flexibilizaram o escopo societário e operacional dos bancos cooperativos, permitindo a ampliação dos serviços do Bansicredi e facilitando o acesso a captações no mercado financeiro.

2000

Constituição da Confederação Sicredi

Constituída em 2000, com o nome de Confederação Interestadual das Cooperativas Ligadas ao Sicredi - a Confederação Sicredi, atua como um grande centro de infraestrutura e de compartilhamento de serviços e de processamentos para todas as organizações do Sistema.

2000

Constituição da Corretora de Seguros Sicredi

A Corretora de Seguros Sicredi é controlada pelo Banco Cooperativo Sicredi e foi constituída em setembro de 2000, trazendo mais segurança e tranquilidade para os nossos associados.

2003

Aprovação da Resolução nº 3.106/03, que permitiu a livre admissão de associados ao cooperativismo de crédito

A publicação da Resolução 3.106, de 25 de junho de 2003, possibilitou a filiação de pessoas de qualquer atividade às chamadas cooperativas de crédito de livre admissão de associados.

A publicação da Resolução 3.106, de 25 de junho de 2003 possibilitou a filiação de pessoas de qualquer atividade às chamadas cooperativas de crédito de livre admissão de associados. Até então, as cooperativas podiam ter como associados apenas um dos seguintes públicos: produtores rurais, empregados de determinada empresa, profissionais liberais ou empresários e microempresários.

2002

Início das atividades do Sicredi no estado de São Paulo

Em 2002, São Paulo aderiu ao Banco Cooperativo Sicredi, reforçando a presença da instituição entre o público urbano.

2003

Início das atividades do Sicredi no estado de Santa Catarina

Em 26 de junho de 2003, o Sicredi iniciou suas atividades em Santa Catarina.

2005

Início das atividades nos estados de Goiás, Tocantins e Rondônia

Em 2005, iniciaram as atividades das primeiras cooperativas de crédito em Goiás, Tocantins e Rondônia.

2005

Constituição da Fundação Sicredi

Constituída em 2005, a Fundação de Desenvolvimento Educacional e Cultural Sicredi tem como objetivo promover a cooperação, a cidadania, a sustentabilidade e a formação dos associados, por meio de diversos programas e iniciativas em âmbito nacional.

A Fundação de Desenvolvimento Educacional e Cultural Sicredi - Fundação Sicredi - foi criada em 2005, tendo como um de seus objetivos principais de manter a essência do cooperativismo, nosso maior propósito. Promove a cooperação, a cidadania, a sustentabilidade e a formação dos associados, por meio de diversos programas e iniciativas em âmbito nacional.

2006

Constituição da Administradora de Consórcios Sicredi

Em 2006, foi constituída a Administradora de Consórcios Sicredi, agregando ao portfólio e disponibilizando para as cooperativas de crédito e seus associados mais um produto com grande potencial de comercialização: o Consórcio.

2006

Constituição da Administradora de Cartões Sicredi, atual Sicredi Cartões

A Sicredi Cartões é controlada pelo Banco Cooperativo Sicredi.

2008

Constituição da Sicredi Participações – SicrediPar

A Sicredi Participações S.A, foi constituída em 10 de outubro 2008.

A Sicredi Participações S.A, foi constituída em 10 de outubro 2008 para propiciar a participação direta e formal das cooperativas de crédito na gestão do Sistema, ao mesmo tempo, para dar aos associados, à sociedade, aos órgãos de regulação, aos grandes fundos de investimento e às demais instituições financeiras que operam em nível nacional e internacional maior transparência na estrutura de governança do Sicredi.

2009

Constituição da Sicredi Fundos Garantidores – SFG

A Sicredi Fundos Garantidores - SFG é uma pessoa jurídica sem fins lucrativos criada em 2009, tem como associadas as cooperativas singulares e as centrais, e é responsável pela reserva de fundos específicos de transações eletrônicas, recuperação de cooperativas e liquidez dos depósitos à vista.

A Sicredi Fundos Garantidores - SFG é uma pessoa jurídica sem fins lucrativos criada em 2009, tem como associadas as cooperativas singulares e as centrais, e é responsável pela reserva de fundos específicos de transações eletrônicas, recuperação de cooperativas e liquidez dos depósitos à vista. Tem a função de garantir a solvabilidade do Sistema Sicredi e de apoiar ações de desenvolvimento das cooperativas, garantindo a sustentabilidade no longo prazo e a aplicação do conceito de solidariedade, item básico do cooperativismo.

2009

Nova Petrópolis/RS recebe o título de Capital Nacional do Cooperativismo

A cidade de Nova Petrópolis/RS conquistou o título de Capital Nacional do Cooperativismo devido ao seu valor histórico, especialmente por sediar a primeira cooperativa de Crédito da América Latina, a atual Sicredi Pioneira RS.

2009

Sancionada a Lei Complementar 130/09

A Lei Complementar 130/09 dispõe sobre o Sistema Nacional de Crédito Cooperativo.

A consolidação da Lei Complementar 130 foi promulgada em 17 de abril de 2009, mas seus efeitos e impactos foram percebidos de forma mais efetiva ao longo dos anos seguintes. Essa legislação representou um marco na medida em que regulou a atuação do cooperativismo de crédito no Sistema Financeiro Nacional.

2010

Parceria com o Rabobank, sistema de crédito cooperativo holandês

O Sicredi firmou parceria internacional com o Rabo Financial Institutions Development BV, membro do Grupo Rabobank, sistema de crédito cooperativo holandês.

O Sicredi firmou parceria internacional com o Rabo Financial Institutions Development BV, membro do Grupo Rabobank, sistema de crédito cooperativo holandês.Mediante participação minoritária no Banco Cooperativo Sicredi, o sistema holandês passa a transferir sua expertise de 160 anos de organização e, ao mesmo tempo, através do Sicredi, investir nas atividades econômicas do quadro associativo das cooperativas de crédito que o integram.

2011

Parceria estratégica com a International Finance Corporation - IFC

Parceria com a International Finance Corporate - IFC, membro do Grupo Banco Mundial.

A International Finance Corporation – IFC é o braço financeiro do Banco Mundial para projetos sustentáveis. A parceria reforçou a presença do Sicredi no mercado internacional de capitais e aumentou a capacidade de alavancar novas operações de crédito por meio de acesso ao Global Trade Finance Program – que engloba fontes de financiamento de mais de 230 bancos internacionais e regionais.

2011

Elaboração de nossa primeira Política de Sustentabilidade

Em 2011 elaboramos nossa primeira Política de Sustentabilidade e instalamos o Comitê Central de Sustentabilidade - o Sicredi que vem criando uma cultura corporativa na qual a sustentabilidade tornou-se parte intrínseca ao nosso modelo de negócio.

2011

União da Central Sicredi PR e Central Sicredi SP - Central Sicredi PR/SP

Primeira união entre Centrais do Sistema, a qual contemplou as Centrais que possuíam suas sedes, respectivamente, em São Paulo e no Paraná. A decisão foi aprovada em Assembleia Geral Extraordinária Conjunta, no dia 1º de julho de 2011, em Curitiba.

Primeira fusão entre Centrais do Sistema, a qual contemplou as Centrais que possuíam suas sedes, respectivamente, em São Paulo e no Paraná. A decisão foi aprovada em Assembleia Geral Extraordinária Conjunta, no dia 1º de julho de 2011, em Curitiba. As assembleias extraordinárias para a formalização dos processos, bem como os procedimentos administrativos decorrentes da incorporação ocorreram ao longo dos meses de maio e junho daquele ano. Com a unificação, a Central Sicredi PR/SP passou a contar com 40 cooperativas e 393 unidades de atendimento, abrangendo 324 municípios.

2012

Ano Internacional das Cooperativas, proclamado pela Organização das Nações Unidas – ONU

Em reconhecimento pela contribuição do cooperativismo para o desenvolvimento socioeconômico, redução da pobreza, criação de emprego e integração social, em 2012 foi proclamado, pela ONU, o Ano Internacional das Cooperativas.

Em reconhecimento pela contribuição do cooperativismo para o desenvolvimento socioeconômico, redução da pobreza, criação de emprego e integração social, em 2012 foi proclamado pela ONU o Ano Internacional das Cooperativas. Com o slogan “Cooperativas constroem um mundo melhor” foi o tema escolhido para o ano comemorativo, que por meio de diversas ações a nível mundial visou valorizar o cooperativismo e difundir seu conceito para as novas gerações.

2012

Banco Cooperativo Sicredi é autorizado a operar com a carteira de crédito imobiliário

O portfólio de produtos e serviços do Sicredi teve um importante reforço em 2012, com a integração do Banco Cooperativo Sicredi ao Sistema Financeiro de Habitação (SFH) e a autorização para utilização dos recursos do FGTS dos associados para aquisição da moradia própria.

2013

Constituição do Fundo Garantidor do Cooperativismo de Crédito – FGCoop

Uma importante conquista para o cooperativismo de crédito foi a constituição, em 2013, do Fundo Garantidor do Cooperativismo de Crédito - FGCoop, regulamentado pela Resolução 4.284 de 2013 do Conselho Monetário Nacional.

Uma importante conquista para o cooperativismo de crédito foi a constituição, em 2013, do Fundo Garantidor do Cooperativismo de Crédito - FGCoop, regulamentado pela Resolução 4.284 de 2013 do Conselho Monetário Nacional. O FGCoop garantiu maior segurança e confiabilidade ao setor. Associados de cooperativas passaram a contar com o resguardo de um fundo de garantia de depósitos com as mesmas regras impostas ao sistema bancário, situando em patamar de igualdade as cooperativas e os bancos comerciais.

2013

Publicação de nossa primeira demonstração financeira sistêmica

Em 2013, o Sicredi obteve autorização do Banco Central e do Conselho Monetário Nacional para publicar as demonstrações financeiras combinadas, uma modalidade de prestação de contas que demonstra o efetivo porte do Sistema.

Em 2013, o Sicredi obteve autorização do Banco Central e do Conselho Monetário Nacional para publicar as demonstrações financeiras combinadas, uma modalidade de prestação de contas que demonstra o efetivo porte do Sistema. Publicadas pela primeira vez em junho, as demonstrações permitiram a obtenção de?ratings?de classificação de risco de crédito, fator exigido pelo mercado financeiro para a ampliação de negócios, como a aproximação com organismos internacionais multilaterais para ter acesso a operações internacionais de financiamento.

2014

Início das atividades no estado do Rio de Janeiro

Em 2014, passamos a atuar no Rio de Janeiro/RJ. Após a homologação concedida pelo Banco Central, deu-se início ao minucioso trabalho de integração da cooperativa agora chamada Sicredi Rio ao Sistema, por meio de sua filiação à Central Sicredi PR/SP, que passou a se chamar Central Sicredi PR/SP/RJ.

Passamos a atuar no Rio de Janeiro. Após a homologação concedida pelo Banco Central, deu-se início ao minucioso trabalho de integração da cooperativa agora chamada Sicredi Rio ao Sistema Sicredi, por meio de sua filiação à Central Sicredi PR/SP, que passou a se chamar Central Sicredi PR/SP/RJ. A cooperativa carioca adotou a marca Sicredi, o modelo de gestão e padrão operacional sistêmico, utilizando a mesma plataforma tecnológica das demais cooperativas do Sistema. Concretizamos assim nossa atuação para o 11º estado brasileiro.

2015

Conclusão do modelo de governança corporativa dual nas cooperativas e centrais

Para as cooperativas e centrais, a Resolução 3.859/2010 determinou o novo modelo de governança corporativa, implementado de acordo com a norma do Banco Central em algumas cooperativas.

Conclusão do modelo de governança corporativa dual nas centrais e cooperativas, em que determinado pelo Banco Central. Para as cooperativas e centrais, a Resolução 3.859/2010 determinou o novo modelo de governança corporativa, implementado de acordo com a norma do Banco Central em algumas cooperativas a partir de 2012 e concluído em 2015. A estrutura de governança de algumas de nossas cooperativas passou então a englobar três esferas: Conselho de Administração, Diretoria Executiva e Conselho Fiscal. O sistema dual foi criado na Alemanha e permite que o conselho de administração contrate diretores executivos que podem ou não ser associados (modelo dual).

2015

Início do processo de filiação da Central Norte/Nordeste ao Sicredi

O processo de migração das 26 cooperativas singulares da Central Norte/Nordeste teve início em 2015, após assinatura do memorando de entendimento de filiação.

O processo de migração das 26 cooperativas singulares da Central Norte/Nordeste teve início em 2015, após a assinatura do memorando de entendimento de filiação. A central atuava à época em 8 estados nordestinos (Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Sergipe) e no Pará, na região Norte, com mais de 100 unidades de atendimento. Com isso expandimos a atuação do Sicredi de 11 para 20 estados, consolidando presença em nível nacional.

2016

Revitalização da marca Sicredi e criação de nova identidade visual

Em 2016, a nossa marca foi revitalizada para reforçar o nosso posicionamento a partir de um novo olhar sobre o cooperativismo no Brasil, destacando a nossa essência como uma instituição financeira cooperativa.

Em 2016, iniciamos a revisão do nosso posicionamento de marca por meio de um amplo diagnóstico, envolvendo nossas cooperativas, centrais e associados de forma colaborativa. Após a conclusão deste trabalho, definimos a nossa estratégia de marca e das ferramentas de auxílio no reforço do nosso posicionamento destacando a nossa essência como uma instituição financeira cooperativa. Ressaltando também nossa presença nacional com atuação regional, e personalidade – simples, próxima e ativa – inerentes ao nosso relacionamento com o associado, colaboradores e comunidade.

2016

Criação da Gestora de Recursos Sicredi

Em 2016, estruturamos a Gestora de Recursos Sicredi, área responsável por realizar a gestão do portfólio, elaborar as estratégias de investimento e avaliar os mercados. Ampliando as possibilidades de investimento para os nossos associados.

2016

Chegada à Avenida Paulista/SP, principal centro econômico do país

Em maio de 2016, o Sicredi inaugurou a primeira agência de uma instituição financeira cooperativa na Avenida Paulista.

Em maio de 2016, o Sicredi inaugurou a primeira agência de uma instituição financeira cooperativa na Avenida Paulista. O Sicredi, por meio da Cooperativa Sicredi Vale do Piquiri ABCD PR/SP, investiu na criação de um ambiente interativo de promoção do cooperativismo financeiro, reforçando os diferenciais competitivos do empreendimento cooperativo.

2017

Início da transformação digital do Sicredi

Iniciamos, em 2017, a nossa transformação digital. Uma mudança que acontece não só na modernização dos sistemas operacionais e troca da plataforma tecnológica, mas na experiência com o associado.

Iniciamos, em 2017, a nossa transformação digital, por meio da substituição progressiva dos sistemas de tecnologia que processam os produtos e serviços (core bancário) e da construção da plataforma digital. Uma mudança que acontece não só na modernização dos sistemas operacionais e troca da plataforma, mas na experiência com o associado - sempre o centro da nossa atenção. A transformação digital do Sicredi quer tornar o cooperativismo mais relevante, levando-o para ainda mais pessoas e com uma nova experiência para os colaboradores e para os associados. *crédito para Marco Fotógrafo

2017

Expansão para o estado do Acre

Em 2017, abrimos nossas primeiras agências no estado do Acre.

2018

Conclusão do processo de migração das cooperativas e da Central Sicredi Norte/Nordeste

A migração tornou-se um marco em nossa história não só pela expansão em si, como também pela maneira como foi desenvolvida, baseada na integração sistêmica de diferentes culturas.

A migração tornou-se um marco em nossa história não só pela expansão em si, como também pela maneira como foi desenvolvida, baseada na integração sistêmica de diferentes culturas. O processo foi reconhecido como referência no setor, pela adoção de excelentes práticas de migração funcionais, equiparação de produtos, e padronização de processos. Juntos, fortalecemos a presença do modelo cooperativo e o desenvolvimento regional.

2018

Lançamento da primeira oferta 100% digital, o Woop Sicredi

Em junho de 2018, tivemos um grande marco da nossa transformação digital, o lançamento da plataforma digital Woop Sicredi, é a primeira plataforma a oferecer a experiência de uma cooperativa de crédito de forma digital

Em junho de 2018 tivemos um grande marco da nossa transformação digital, o lançamento da plataforma digital Woop Sicredi, nossa primeira oferta 100% digital. O associado pode abrir a conta de forma totalmente eletrônica e acessa os principais serviços financeiros. O Woop é considerado a primeira plataforma no Brasil a oferecer uma experiência de cooperativa totalmente digital no Brasil.

2018

Inauguração do Pátio Raiffensen no Centro Administrativo Sicredi

Com o propósito de valorizar a história do cooperativismo de crédito e o legado de seus precursores, o Sicredi inaugurou em 2018 em Porto Alegre no Centro Administrativo Sicredi - CAS, o Pátio Raiffeisen.

Com o propósito de valorizar a história do cooperativismo de crédito e o legado de seus precursores nessa trajetória, o Sicredi inaugurou em 2018, em Porto Alegre no Centro Administrativo Sicredi - CAS, o Pátio Raiffeisen. O nome do pátio foi em em comemoração ao 200º aniversário de Raiffeisen. Friedrich Wilhelm Raiffeisen foi um pioneiro do cooperativismo, da economia social e solidária e do regime de crédito mútuo, inspirador do movimento do sindicalismo agrícola dos finais do século XIX. Na imagem, temos os bustos do Padre Theodor Amstad, Friedrich Wilhelm Raiffeisen e Mário Kruel Guimarães.

2018

Inauguração da agência Sicredi Smart em Cafeara/PR

O grande diferencial da agência Smart está na ausência de numerário, ou seja, são agências cashless, sem circulação de dinheiro.

Os associados podem abrir conta-corrente, contratar crédito, consórcios, seguros, cartão de crédito e depositar cheques. O pagamento de contas e transferências são feitos online, por meio de aplicativos do Sicredi. O grande diferencial da agência Smart está na ausência de numerário, ou seja, são agências cashless, sem circulação de dinheiro. Isto faz reduzir a zero o custo de transporte e manutenção de valores em papel-moeda, considerada a segunda maior despesa operacional das agências.

2018

Expansão para os estados de Minas Gerais e Distrito Federal

Em abril de 2018, inauguramos a primeira agência no Distrito Federal. Em maio de 2018, iniciamos nossa atuação no estado de Minas Gerais.

2019

Início do processo de adesão ao Pacto Global da Organização das Nações Unidas – ONU

Em dezembro de 2019, o Conselho de Administração da SicrediPar, as cooperativas singulares e as centrais votaram pela adesão sistêmica como participante do Pacto Global das Nações Unidas - ONU.

O Pacto Global é uma iniciativa para estimular empresas em todo o mundo a aplicarem políticas e práticas de responsabilidade social corporativa e de sustentabilidade por meio do engajamento a dez princípios relacionados a direitos humanos, trabalho, meio ambiente e corrupção.

2019

Padre Theodor Amstad é nomeado o Patrono do Cooperativismo Brasileiro

O Padre Theodor Amstad, fundador de nossa primeira cooperativa, recebeu oficialmente o título de patrono do cooperativismo brasileiro em dezembro de 2019, de acordo com a Lei 13.926/19, em reconhecimento pelo seu pioneirismo e importância na disseminação do conceito.

O Padre Theodor Amstad, fundador de nossa primeira cooperativa, recebeu oficialmente o título de patrono do cooperativismo brasileiro em dezembro de 2019, de acordo com a Lei 13.926/19, em reconhecimento pelo seu pioneirismo e importância na disseminação do conceito. Amstad nasceu em 1851, em Beckenried, na Suíça, e chegou ao Brasil em 1885, onde fundou em 1902 a atual Sicredi Pioneira RS. Faleceu em 1938, na cidade de São Leopoldo/RS, deixando um importante legado para toda a sociedade. Sua história é preservada fisicamente na comunidade Linha Imperial em Nova Petrópolis, onde fica o Memorial Padre Amstad.

2006

Início das atividades no estado Pará

Em 2006, o Sicredi inicia suas atividades no estado do Pará.

2019

Atuação regional em vinte e dois estados brasileiros e o Distrito Federal

Em 2019, nossa atuação regional chegou a vinte e dois estados brasileiros e o Distrito Federal.

Em abril de 2018, inauguramos a primeira agência no Distrito Federal, no Eixo Monumental de Brasília, cidade com terceiro maior PIB do país. Em maio de 2018, iniciamos nossa atuação no estado de Minas Gerais, por meio da filiação de uma cooperativa de crédito local à Central Sicredi Sul, sendo a cooperativa singular denominada de Sicredi Credigrande. A Central passou a se chamar Central Sicredi Sul/Sudeste. Em poucos meses estabelecemos mais de 25 agências em todo o estado mineiro.

nossas redes redes Created with Sketch.