20 de Abril de 2022

AgTech Garage anuncia startups selecionadas no Intensive Connection 2022

Em sua quarta edição, o programa teve mais de 200 startups inscritas e 13 selecionadas na América Latina

Notícias | Inovação

O programa Intensive Connection Latam, realizado em parceria entre o AgTech Garage — maior hub de inovação especializado no agronegócio na América Latina — e sete empresas líderes em seus segmentos e com atividades ligadas ao agronegócio, anunciam as 13 startups que farão parte de uma jornada de cooperação de alto nível nos próximos sete meses. 

Em conjunto com o AgTech Garage, as empresas brasileiras Suzano, do segmento de papel e celulose, e a instituição financeira cooperativa Sicredi, a companhia americana de máquinas John Deere, a marroquina de fertilizantes OCP, a empresa francesa de saúde animal Ceva, a empresa global de agronegócio e alimentos Bunge e a multinacional alemã de saúde e nutrição Bayer, selecionaram startups com tecnologia de ponta para colaborar com seus desafios de inovação.

Referência no Brasil, o Intensive Connection é o principal programa de inovação aberta no agro do país e chega este ano à sua quarta edição. Ao todo, mais de 200 startups latino-americanas se inscreveram para participar e 33 chegaram a ser finalistas. José Tomé, CEO do AgTech Garage, conta que o número de inscrições para o Intensive Connection se manteve no alto patamar atingido em 2021, de mais de duas centenas de ag&foodtechs, que em sua maioria postularam para mais de um desafio proposto pelas sete diferentes participantes. A Bayer chegou a ter mais de 100 inscrições para seus desafios. John Deere e Sicredi passaram de 80 cada, e a OCP superou as 70 inscrições. 

“Foi uma edição super competitiva e que demandou do nosso time e dos parceiros um trabalho a várias mãos para não perder nenhum detalhe e oportunidade em potencial. Se o parceiro escolhe duas startups para trabalhar com alto nível de engajamento durante o ano, são as startups do Intensive Connection. É motivo de imensa satisfação para nós o grau de comprometimento das companhias com o ecossistema de inovação e com a geração de valor para as startups”, diz. 
Hoje, o AgTech Garage já conta com mais de 900 ag&foodtechs conectadas à sua plataforma digital e protagoniza com os parceiros da comunidade uma nova dinâmica em prol da inovação no agronegócio. Henrique Provenzzano, Coordenador de Programas de Inovação Aberta do AgTech Garage, lembra que as startups selecionadas têm acesso via IC a mentorias, networking, eventos exclusivos, conexões e todo o apoio do AgTech Garage e dos parceiros corporativos para aperfeiçoarem suas soluções e ganharem escalabilidade ao longo do programa que visa a potencialização das startups. 

A proximidade entre as companhias e as ag&foodtechs durante o Intensive Connection pode resultar ainda em provas de conceito (POCs), negócios, co-desenvolvimento de novas soluções tecnológicas e até mesmo investimentos, tudo para impulsionar a sustentabilidade e competitividade do agronegócio. O programa Intensive Connection é equity free, ou seja, não requer participação acionária nas startups. 

Este ano, além de todo este suporte conferido pelo AgTech Garage, será incorporada ao programa a interação de diferentes áreas das companhias com o hub. “Por definição, a inovação aberta vai além dos muros das organizações, mas é preciso intensificar a transformação de dentro para fora. Mantendo contato com as áreas de Recursos Humanos, Jurídico, TI, Comunicação e Suprimentos dos parceiros, queremos ajudar a potencializar a estratégia de inovação desenhada pelos catalisadores e lideranças que já interagem conosco”, diz Provenzzano. 

Outra novidade é a volta dos encontros presenciais entre os catalisadores do programa e o time do AgTech Garage. No primeiro Innovation Talks desta edição, o grupo teve a oportunidade de discutir metodologias de gestão para os projetos e cases de sucesso de edições anteriores frente a frente. “É uma grande oportunidade estarmos presencialmente juntos de novo e um dos focos da conversa foi na gestão ainda mais colaborativa dos projetos do Intensive Connection, com os Innovation Partners compartilhando diferentes metodologias de gestão da inovação”, conta Provenzzano.

A troca de experiências entre os parceiros vem ganhando densidade ano a ano, com a maturidade do programa e das empresas participantes (seis já haviam participado de edições anteriores). A mais nova ingressante é a John Deere, que se somou em 2022 ao seleto grupo de empresas que realizam o Intensive Connection ao lado do AgTech Garage.  

 

Sicredi: Impulsionando um futuro sustentável

 

O Sicredi, pautado pelos princípios do cooperativismo e pela sua estratégia de gestão sustentável, selecionou, desta vez, a VEGA e a Busca Terra. As duas startups têm soluções para diagnosticar o potencial do pequeno produtor na geração de créditos de carbono e acesso a Pagamentos por Serviços Ambientais (PSA). No caso da VEGA, o core é a entrega de dados cadastrais cruzados com uma visão geo espacial das propriedades agrícolas, com o objetivo de fazer a rastreabilidade de origem da cadeia produtiva do agronegócio integrada a indicadores de sustentabilidade dentro de sistemas ERP. Já a Busca Terra é uma agtech que mira a mitigação de riscos em operações financeiras de imóveis rurais por meio da integração, análise e disponibilização de informações sobre estes ativos agrícolas.

Para Luis Henrique Veit, superintendente de Agronegócio do Sicredi, fica evidente a evolução na maturidade e qualidade dos pitchs das agtechs nesses quatro anos de parceria com o Agtech Garage. “Foi um grande desafio selecionar apenas duas startups finalistas e nossa régua foi lá no alto. Nós vemos um grande potencial de entrega de resultados nas soluções da VEGA e da Busca Terra, que se conectaram instantaneamente com a estratégia agro do Sicredi, com as iniciativas internas mapeadas e oportunidades identificadas junto aos nossos associados agro”, diz.

Segundo Veit, a participação ativa do AgTech Garage na seleção também foi fundamental para fazer a curadoria das startups. “Vale destacar a excelência do time do AgTech Garage na condução do processo, contribuindo com metodologias e ferramentas de avaliação das startups, que nos auxiliou para a tomada de decisão”, afirma.

Ver todos os posts