13 de Abril de 2022

6 Dicas para manter o controle financeiro como MEI

Ter as finanças em ordem pode contribuir com o sucesso do seu negócio

Notícias | MEI

Não importa qual seja o segmento em que atua, uma das maiores preocupações do empreendedor é a gestão financeira do negócio. Afinal, é isso que determinará o desenvolvimento da empresa, tanto para o lado positivo quanto para o negativo.

Para sobreviver no mercado, o MEI (Microempreendedor Individual) precisa estar atento a esse aspecto e ter um planejamento financeiro bem estruturado para evitar possíveis transtornos.

Nesse artigo você poderá conferir algumas dicas que irão te ajudar a colocar as finanças da sua empresa em ordem. Confira e coloque-as em prática no seu dia a dia.

 

MEI e as finanças

 

1. Tenha um bom planejamento financeiro

Essa etapa é fundamental para qualquer negócio. Antes de iniciar as suas atividades como MEI, você deve concentrar os seus esforços na criação de um planejamento financeiro assertivo. A partir dele, você terá mais embasamento na sua tomada de decisões.

Nesse documento deve constar informações valiosas como: previsão de faturamento, expectativas de gastos fixos, contratação de ferramentas de gestão, entre outros fatores.

2. Não misture as finanças pessoais e empresariais

Esse equívoco é bastante comum, mas pode causar muita dor de cabeça para o empreendedor. Este tipo de falha geralmente ocorre no começo da empresa, quando não há receita suficiente para se manter ativo no mercado. Por isso, é importante se atentar ao planejamento financeiro, como dito anteriormente.

Não caia no erro de misturar as suas finanças. O recomendado é a criação de uma conta PJ para que assim fique mais fácil controlar suas entradas e saídas. Pense na saúde financeira da sua empresa.

3. Faça o registro de todas as operações

Seja organizado e estratégico. Para ter o controle das finanças do seu novo negócio, você precisará registrar todas as operações da empresa. Deixe tudo anotado e com o máximo de informação possível.

Todas as entradas e saídas devem ser listadas de forma clara para que você consiga enxergar a real situação financeira do seu negócio. A organização do fluxo de caixa fará com que você tenha um maior controle financeiro da empresa.

4. Mantenha seus pagamentos em dia

Se você quer manter a saúde financeira da sua empresa, você precisará realizar os pagamentos relacionados ao seu negócio nas datas previstas. Caso atrase, você terá que pagar multas e juros que podem comprometer os seus resultados.

Evite possíveis transtornos. Organize-se e tenha controle sobre as suas futuras despesas.

5. Invista em tecnologia

Para que a gestão financeira seja ainda mais assertiva, você pode investir em ferramentas tecnológicas como o Nibo e o QuickBooks ZeroPaper, que contribuem com o processo. Assim você terá mais segurança nas suas decisões quando o assunto for finanças.

6. Estude, estude e estude

Busque conhecer mais sobre controle financeiro. Você pode fazer algum curso, ler livros e acompanhar profissionais que tratam do assunto pela internet. Dessa forma, você pode aplicar o conhecimento adquirido no seu próprio negócio.

 

Agora que você já sabe como manter o controle financeiro da sua empresa, explore o nosso blog e confira outras dicas sobre MEI.

Ficou interessado? Abra a sua conta e seja um associado do Sicredi. 

Ver todos os posts