Blog do Sicredi

20 de Janeiro de 2021

5 maneiras que o cooperativismo ajuda no agronegócio

Saiba mais sobre como o cooperativismo ajuda no crescimento do agronegócio

Notícias | Cooperativismo

O cooperativismo tem um papel importante na economia brasileira, segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), o modelo cooperativista representa aproximadamente 48% do total da produção de alimentos do país, (quase 50% do PIB do Agronegócio), são mais de são 1.600 instituições, 180,1 mil produtores cooperados e 210 mil empregos gerados anualmente.

As associações cooperativas dão auxílio para o pequeno produtor se organizar e sobreviver perante a competitividade do mercado. Por isso, o agricultor consegue maior comercialização dos seus produtos, gera mais empregos e fomenta a economia local.

Mas, afinal, como o cooperativismo ajuda no agronegócio?

1 - Soluções inovadoras para o setor

Imagine uma plantação de morangos com comercialização por aplicativo, drones para a borrifação de implementos em plantações e máquinas que distribuem a quantidade correta de fertilizantes, com o auxílio da cooperativa é possível fazer uma ponte entre startups de tecnologia e agricultores. Assim, o agricultor conta com uma assistência estratégica de profissionais capacitados para transformar o agronegócio e diminuir o desperdício de recursos.

2 - Cooperativismo entre agricultores

Um dos maiores trunfos do cooperativismo é a interação entre associados, com essas conversas é possível criar parcerias entre negócios e troca de experiências. Se dentro de uma cooperativa temos um produtor de laranja que necessita da criação de um avicultor, essa troca acontece dentro da própria cooperativa, sem intermediários externos. Assim, quando um negócio cresce, todos os cooperados também participam desse crescimento.

3 - Sustentabilidade social

As cooperativas de trabalho organizam os direitos dos seus associados e com esses benefícios claros e bem distribuídos, o cooperativismo auxilia no acesso pleno à cidadania. As cooperativas corretamente registradas, garantem os direitos trabalhistas dos trabalhadores e agricultores, como pagamento de INSS, décimo-terceiro salário, assistência médica e educacional.

4 - Credibilidade para a economia local

Algumas cooperativas dispõem de comércio próprio e utilizam da prestação de serviço para o próprio produtor, podendo comprar e revender o produto para ajudar na comercialização da produção para os cooperados e chegando a toda a comunidade local para desenvolver a economia da região.

5 - Acesso a mercados maiores

Com o auxílio da cooperativa, o associado consegue ajuda financeira para adquirir linhas de crédito e financiamentos mais vantajosos para investir em sua lavoura ou criação, a associação também auxilia no escoamento da produção, oferecendo os produtos para comercialização em mercados maiores que o associado não chegar conseguiria sozinho.

 

Ser um associado é benéfico para todas as partes, a própria cooperativa cresce e ajuda o associado ter mais condições para crescer com o auxílio dela. Além disso, essa é uma contribuição importante para a economia brasileira e local, é uma das formas de trazer mais oportunidades para todos.

Saiba mais sobre nossas soluções para o Agronegócio: www.sicredi.com.br/site/credito/para-agronegocio.

Ver todas notícias
Baixe o Aplicativo e tenha segurança e facilidade

WhatsApp

051 3358 4770
* Sujeito a disponibilidade na sua localidade

Serviços por telefone

Capitais e regiões metropolitanas

3003 4770
* Custo de uma ligação local

Serviços por telefone

Demais e regiões

0800 724 4770

SAC

Informações, elogios e reclamações

0800 724 7220

Atendimento aos Deficientes

Auditivos ou de fala

0800 724 0525

Ouvidoria e Denúncias

0800 646 2519

Chamadas Internacionais

(a cobrar)

+55 51 3378 4472

Confederação das Cooperativas do Sicredi

CNPJ: 03.795.072/0001-60

Av. Assis Brasil, nº 3940, Jardim Lindoia – Porto Alegre/RS – CEP: 91010-003

Abra sua conta