10 de Junho de 2022

Projeto CooperAgro estimula desenvolvimento da agricultura familiar por meio de apoio às agroindústrias

Iniciativa é uma parceria entre a Sicredi Vale do Rio Pardo e o Sebrae-RS

Notícias | Desenvolvimento Local

Com o objetivo comum de realizar ações que promovam a sustentabilidade das agroindústrias associadas à Sicredi Vale do Rio Pardo é que surgiu o Projeto CooperAgro. Uma iniciativa da Cooperativa em parceria com Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae-RS), que vai cooperar com o crescimento e desenvolvimento da agricultura familiar da região. O lançamento do projeto aconteceu na manhã desta sexta-feira, 10 de junho, durante um café da manhã com produtos coloniais, na sede administrativa da Sicredi VRP, com a presença de representantes das instituições parceiras, produtores rurais, dirigentes de cooperativas de agricultores e imprensa. 

Conforme o presidente da Sicredi Vale do Rio Pardo, Heitor Álvaro Petry, a cooperativa já é parceira e historicamente incentiva iniciativas focadas no desenvolvimento das agroindústrias familiares regionais. “Este projeto é a sequência deste trabalho de apoio e incentivo às agroindústrias e vai possibilitar que os nossos associados se aprofundem em assuntos pertinentes aos negócios e ao mercado atual. Queremos seguir apoiando o trabalho realizado pelas agroindústrias, que é de extrema importância para a nossa região, agora com a experiência dos profissionais do Sebrae”, ressaltou Petry. 

A parceria do CooperAgro consiste em ofertar às agroindústrias associadas o trabalho de consultoria realizado pelo Sebrae-RS, o que vai aumentar a visão comercial dos negócios, bem como o uso da tecnologia e conquista de novos mercados. “Isso vai proporcionar também o desenvolvimento de novos produtos e, em consequência, uma maior lucratividade”, frisou o líder cooperativista. A região contemplada pelo projeto é a mesma da área de atuação da Cooperativa, que abrange os municípios de Vera Cruz, Venâncio Aires, Passo do Sobrado, Santa Cruz do Sul, Sinimbu, Rio Pardo, Herveiras, General Câmara e Vale Verde.

Proposta - O analista de Desenvolvimento de Negócios da Sicredi Vale do Rio Pardo, Jeferson Klunk, falou sobre a proposta de ações do projeto, que envolve um diagnóstico do negócio, com visita às propriedades para analisar os empreendimentos e apontar necessidades e potencialidades. “É uma forma de direcionar as intervenções necessárias para cada agroindústria e assim obter o melhor resultado individual para o desenvolvimento do negócio”, mencionou ele. 

Sobre as consultorias, ele explicou que serão focadas em gestão, inovação e mercado. Entre os assuntos abordados nestes processos, destaque para fluxo de caixa, custo de produção, análise de investimento, planejamentos, comercialização, design, meio ambiente, eficiência energética, entre outros. Além disso, os envolvidos terão conhecimento a respeito de administração de materiais, logística de produção, reaproveitamento, gerenciamento de resíduos, Legislação Ambiental, desenvolvimento de produtos, e várias outras temáticas. Mais informações sobre o projeto podem ser obtidas nas agências da Sicredi Vale do Rio Pardo.

Parceria - A gerente Regional do Sebrae Vales do Taquari e Rio Pardo (VTRP), Liane Klein, destacou que as duas instituições têm objetivos muito claros, baseados no desenvolvimento da região onde atuam. "Uma parceria que une duas instituições que estão pensando no desenvolvimento local, trazendo um trabalho que vai apoiar produtores rurais que atuam com a agroindústria familiar para que eles possam melhorar os seus negócios, gerar mais renda, empregos, e estar contribuindo para o desenvolvimento do território”, ressaltou.

A analista de Articulação de Projetos do Agronegócio do Sebrae VTRP, Kathleen Kruger, salientou que a parceria, além de capacitar os produtores rurais, vai gerar uma visão sistêmica. “Eles vão conseguir olhar além da produção, vão conseguir fazer linques entre o que eles querem produzir e o que o consumidor final quer. Hoje, a agroindústria familiar é muito bem representada na nossa região, mas, com esse trabalho em conjunto, a gente vai conseguir ampliar esse olhar, profissionalizar mais os produtores rurais”, frisou ela.

Ver todos os posts
 
Notícias relacionadas